“Que país é o nosso que nos empurra para longe de quem amamos?”, por Manuela Silva

Fui filha e mulher de estivador. Juntei-me a esta luta para os apoiar, pois sei quanto eles sofrem com este trabalho duro e de risco, sei o tempo que estão longe dos seus familiares. Por esta profissão ser de desgaste, conheci estivadores que ficaram com doenças profissionais a nível físico e psicológico. Os estivadores, quanto a mim, são homens de trabalho com uma grande importância para a nossa economia. Não entendo o porquê de tanta precariedade, só nos leva a mais desemprego e instabilidade no nosso país, pois não o ajuda a crescer nem a desenvolver-se. Que estes homens que tanto lutaram por um trabalho digno não sejam simplesmente esquecidos, pois são um exemplo para todos os Portugueses! Não desistam desta luta! Todos os Portugueses deviam unir-se e lutar contra a precariedade para mais tarde não verem partir os vossos filhos para longe.
Que país é o nosso que nos empurra para longe de quem amamos?

Manuela Silva

Anúncios

Autor: Há Flores no Cais

Blogue das mulheres dos Estivadores

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s